Servidor público nega informação sobre biometria em cartório eleitoral de Humaitá

Na manhã desta segunda-feira (21), a equipe de reportagem do blog A Crítica de Humaitá foi ao Cartório Eleitoral em busca de informações sobre o recadastramento biométrico que acontecerá no Distrito de Realidade.

De acordo com a reportagem, o servidor público Gutemberg Capecci, que é analista judiciário e chefe do Cartório Eleitoral, negou as informações e de forma grosseria, exigiu a saída imediata das dependências do local.

Confira abaixo um trecho da publicação:

“O clima e o mal estar causado pelo servidor público foi constrangedor e inadequado para com a imprensa no exercício do nosso trabalho. Registramos o fato lamentável e comprovamos que o servidor é desequilibrado é despreparado para o atendimento público. Em defesa da cidadania e do direito à informação por parte de um órgão público de grande importância a sociedade local, iremos a corregedoria denunciar o mal comportamento do servidor em questão.”

Fonte: A Crítica de Humaitá

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *