Programa de Aquisição de Alimentos realizou última entrega do ano em Manaus

O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) do Governo Federal, executado pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria Estadual de Produção Rural (Sepror), distribuiu nesta quinta-feira (12/12) uma quantidade de 22 toneladas de abacaxi, melancia, abobrinha, banana e pimenta de cheiro, para dez entidades beneficentes, por meio da Compra com Doação Simultânea (CDS). A entrega foi feita no estacionamento da Secretaria.

A última entrega do ano concretiza o processo produtivo dos agricultores, como informou o secretário executivo adjunto da Sepror, Airton Schneider.

“Hoje estamos concretizando uma etapa importante do processo produtivo dos nossos agricultores beneficiados pelo Programa de Aquisição de Alimentos, em que o Governo Federal é o principal ator, e nós, como agentes, estamos somando nesse processo de entrega da comercialização. Temos 55 municípios envolvidos, com 84 entidades beneficiadas”, lembrou Airton.

O Programa beneficiou, nesta entrega, 1.613 pessoas assistidas pelas mais variadas entidades que atuam na capital amazonense, como Abrigo Coração do Pai, Organização Não Governamental (ONG) Renascer, Associação dos Idosos Paz e Bem (Assipab), Instituto Autismo no Amazonas (Iaam), Desafio Jovem de Manaus, Abrigo Moacir Alves, Instituto Amazonense de Ação Social (Iamasol), Igreja Adventista do 7º Dia, Secretaria Municipal da Mulher e o Acolhimento Institucional para Adultos e Família da Secretaria de Estado e Assistência Social (Seas).

Marilza Magalhães, presidente da Associação dos Idosos Paz e Bem (Assipab), assinala a importância do programa no atendimento de pessoas em situação de vulnerabilidade.

“Essa parceria com a Sepror é fundamental, pois tem ajudado muitas famílias que vivem em vulnerabilidade econômica e social. Para nós esses produtos são suplementos alimentares importantes, que entregamos para as famílias suprirem suas necessidades”, afirmou Marilza.

Os fornecedores são agricultores familiares, que são beneficiados e são incentivados, pois recebem até R$ 6.500,00 para comercializar a produção e entregar às entidades sociassistenciais cadastradas. O valor do recurso para essa entrega foi de R$ 54.000,00, beneficiando aproximadamente 10 produtores.

Nilson Santarém, da Vila do Engenho, Novo Remanso/Itacoatiara, tem uma produção estimada de 70 mil abacaxis por mês e produz há oito anos.

“Antes desse programa eu tinha uma perda de 10% na minha produção, que estragava ou ficava lá na beira da estrada, pois as feiras não suportam tanto abacaxi”, disse Nilson.

PAA – O Programa de Aquisição de Alimentos da Agricultura Familiar (PAA), na modalidade Compra Direta, prevê a compra de alimentos da agricultura familiar e a sua doação a entidades socioassistencias que atendam pessoas em situação de insegurança e vulnerabilidade social, alimentar e nutricional. O PAA é implantado por meio de Termo de Adesão, formalizado entre o Ministério da Cidadania e o Estado. Para a adesão 2019/2020, o valor do recurso é de R$ 4 milhões e comercializará aproximadamente 1.700 toneladas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *