Prefeitura de Manaus capacita novos servidores para atender aposentados e pensionistas

Mudar as relações profissionais e pessoais, na busca de soluções para problemas no ambiente profissional e, com isso, obter resultados positivos para o âmbito corporativo e individual. Essa foi a tônica da palestra do especialista Álvaro Leal Sanches Filho aos novos servidores da Prefeitura de Manaus durante a aula inaugural do Curso de Formação da Carreira Previdenciária, promovido pela Manaus Previdência na tarde desta segunda-feira, 10/04, na sede do órgão, em parceria com a Escola de Serviço Público Municipal e Inclusão Sócio educacional (Espi).

Fotos: Altemar Alcântara/Semcom

Conforme o palestrante, não há diferença alguma se o profissional é de um órgão público ou de uma empresa privada, assim como o cargo que exerce. “O trabalho está em cima de ser humano. Então, trabalhar com coach potencialização de resultados é focar, basicamente, no lado de ser humano, porque a partir daí o resultado é consequência do que se faz”, diz.

Esse olhar humanizado é o cuidado que a Prefeitura de Manaus, por meio da previdência, está destinando aos servidores que estão se integrando ao quadro do funcionalismo público, lembra o diretor-presidente em exercício da Manaus Previdência, Silvino Vieira. Ele reforça que todos os servidores convocados para assumirem seus cargos passaram pelo mesmo curso de formação, que tem por objetivo aperfeiçoar os conhecimentos em temas ligados ao setor. Isto, diz Vieira, resulta em um melhor atendimento aos mais de 6 mil segurados, entre aposentados e pensionistas, além dos próprio funcionalismo na ativa. “E entre a primeira turma convocada e esta, mais recente, já tivemos oportunidade de mensurar como estava o nosso atendimento, nosso serviço interno. Percebemos que conseguimos melhorar o que já era muito bom. Assim, o curso de formação está atendendo ao seu objetivo”.

Parceira na execução do curso, a Escola de Serviço Público Municipal e Inclusão Socioeducacional (Espi) entra com sua expertise para a capacitação de servidores e agentes públicos. A diretora-geral da instituição, Fabiana Lucena, destaca que a Prefeitura de Manaus é uma das poucas no Brasil que tem a preocupação de proporcionar um mínimo de conhecimento aos servidores que estão chegando para o desenvolvimento de suas atividades profissionais e, consequentemente, melhorar o atendimento ao público. “Isso deveria ser uma prática comum nas prefeituras, mas Manaus sai na dianteira à medida que ela tem essa preocupação. É a quarta turma que a gente recebe em parceria com a previdência municipal”, lembra. “A Prefeitura de Manaus dá as boas-vindas a esses novos servidores, entendendo que é importante que entendam, ao assumir suas funções, quais são os direitos e quais são os deveres dele enquanto servidor”, enfatiza.

COMUNICAÇÃO, A BASE

Para Álvaro Sanches, a base de todo o processo para prática do sucesso em gestão de pessoas e mediação de conflitos está na comunicação. “A falta de clareza na comunicação, seja ela verbal ou não verbal, é que gera o conflito na maioria das vezes. E mais: o problema geralmente não é o problema, mas o que fazemos desse esse problema. Então, vamos apresentar um outro olhar, um processo de ressignificação do que acontece diariamente a fim de trazer melhores resultados para a vida profissional do indivíduo”.

Conforme o especialista, o momento atual é de transição e a crise chacoalhou as pessoas. Isso possibilitou que se sobressaísse mais quem faz menos. “Não estou falando de quem deixa de fazer algo, mas quem tem uma boa educação, quem trata bem as pessoas, quem acaba trabalhando no contrafluxo. Então, o menos acaba sendo mais. O grande segredo dos grandes empresários nada mais é do que trabalhar a base e tendo uma boa base o resto da pirâmide sobe”.

Doze servidores iniciaram curso de Formação da Carreira Previdenciária nesta segunda-feira, além de outros que estão passando por reciclagem. Eles entraram em exercício em março oriundos do concurso público realizado pela Manaus Previdência em 2015. Ao todo, 64 candidatos foram chamados desde o início do concurso, sendo 41 convocados para Técnico Previdenciário e 23 para Analista Previdenciário.

O curso de formação terá um total de 14 módulos que serão ministrados no período de 10/04 a 12/05. Os certificados de participação serão entregues no dia 19/05 pela secretária municipal de Administração, Planejamento e Gestão, Luíza Rebelo. O próximo módulo acontece nesta terça-feira, 11/04, com o tema “Noções de Arquivologia Pública”, ministrada pela bacharel em Arquivologia, Gláucia Almeida Gomes Miranda da Silva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *