Luciana Genro propõe taxação de grandes fortunas para dar mais verbas à Educação

A candidata à Presidência da República, Luciana Genro (PSOL), disse nesta segunda (11) que sua proposta de taxar grandes fortunas permitirá a aplicação de 10% do Produto Interno Bruto (PIB) – que é a soma de tudo que se produz no país – na educação.

No entendimento da candidata do PSOL, medida permitiria aplicação de 10% do PIB brasileiro no ensino Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
No entendimento da candidata do PSOL, medida permitiria aplicação de 10% do PIB brasileiro no ensino
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Ela deu a declaração durante panfletagem na fila do restaurante da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), acompanhada de militantes do partido.

“Com a nossa proposta de taxação das grandes fortunas, teremos imediatamente R$ 90 bilhões, o que significa dobrar o orçamento público para a educação, no caminho para a efetiva aplicação de 10% do PIB no setor”, declarou a candidata.

Mais cedo, a candidata havia publicado um vídeo em sua página no Facebook, saudando a juventude pelo Dia do Estudante.

Segundo ela, a data é uma ocasião para comemorar, mas também para lutar. Luciana Genro defendeu universidade pública e gratuita para todos e ensino de qualidade.

“Nós que vimos os jovens tomar as ruas em 2013, temos a certeza de que com luta e mobilização é possível garantir os direitos da juventude”, finalizou.

 

Com Informações da Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *