Ingressos para o último duelo entre Manaus e Brusque estão quase esgotados

A cinco dias da decisão pelo título da Série D do Campeonato Brasileiro de Futebol, os ingressos para a partida, que começaram a ser vendidos na última segunda-feira (12/08) em 14 pontos espalhados pela capital amazonense, já estão quase esgotados. A disputa entre as equipes Manaus F.C. e Brusque-SC, que terá como palco a Arena da Amazônia Vivaldo Lima, conta com o apoio da Secretaria de Estado de Juventude, Esportes e Lazer (Sejel) e terá início às 15h (horário local).

“Estamos muito empolgados para a final do Brasileirão, e a população tem realmente abraçado esta causa e quer ver o Gavião do Norte ser campeão dentro de casa. É um momento histórico para o povo do Amazonas e valerá a pena cada minuto”, comentou o titular da Sejel, Caio André de Oliveira.

Com o preço de R$ 30 (meia) e R$ 60 (inteira), a partir de agora os ingressos só estão disponíveis na Arena Poliesportiva do Amazonas (Amadeu Teixeira), localizada no bairro Flores, zona centro-sul, e no estádio Ismael Benigno (Colina), situado no bairro São Raimundo, zona oeste de Manaus. Vale lembrar que as entradas não serão numeradas; além disso, idosos pagam somente meia-entrada, enquanto crianças até 12 anos terão entrada gratuita.

Outra novidade é o ingresso VIP, no valor de R$ 100 (meia) e R$ 200 (inteira), que dará direito a um tururi comemorativo e exclusivo do time, acesso a uma área diferenciada para o torcedor e água e refrigerante liberados. O bilhete VIP é limitado e está sendo vendido apenas na Arena Amadeu Teixeira. Os tururis serão entregues na sexta-feira (16/08) e no sábado (17/08).

No jogo de ida do Brasileirão, realizado no último domingo (11/08), o Gavião do Norte arrancou um empate ao enfrentar o Brusque fora de casa, no estádio Augusto Bauer, em Santa Catarina. Com um placar de 2 a 2, o time amazonense garantiu a vantagem do empate e segue na preparação para o jogo de volta, na Arena da Amazônia.

“A equipe do Manaus fortaleceu o esporte no Amazonas, e acredito que o povo amazonense está orgulhoso por estar sendo tão bem representado no futebol”, afirmou o titular da Sejel.

Para o diretor de futebol do Gavião do Norte, Rodrigo Novaes, o duelo será um feito histórico para o futebol amazonense. “Conseguimos um bom resultado em Brusque e trouxemos a decisão para Manaus. De fato, será uma decisão histórica, e vamos buscar a vitória minuto a minuto dentro de campo. Temos muito respeito pelo time catarinense, mas vamos lutar por esse título dentro de casa e garantir esse presente ao povo amazonense, já que o Amazonas nunca teve um campeão brasileiro”, afirmou.

Torcida – Confiante na vitória do Manaus, o universitário Emerson Martins, de 22 anos, falou sobre a expectativa para a final. “É muito bom ver o apoio da torcida, gritando, agitando a Arena da Amazônia e valorizando o esporte local. O Manaus F.C. está a um passo da vitória, e temos tudo para comemorar dentro de casa. Gritar ‘é campeão’ no domingo, com meus amigos, não terá preço”, destacou.

A cobradora de ônibus Adrielle de Oliveira, de 30 anos, comentou sobre a evolução do Gavião do Norte. “Essa final promete. É uma alegria muito grande ver um time novo como o Manaus alcançar bons resultados em tão pouco tempo. Isso mostra o empenho da equipe amazonense e de todos os que contribuem para esse trabalho. O Gavião do Norte está de parabéns”, ressaltou.

Arbitragem – Para a final entre Manaus e Brusque, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou nesta terça-feira (13/08) a escala de árbitros, que será comandada por Edina Alves Batista. Árbitra da Fifa, Edina já conta com grande experiência, tendo inclusive já apitado um Mundial feminino. O elenco contará ainda com Alex Ang Ribeiro como 1º assistente, Daniel Paulo Ziolli como 2º assistente, e Adriano de Assis Miranda, como 4º árbitro. Já Evandro de Melo Lima atuará como 5º árbitro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *