David Almeida tem contas aprovadas pelo TCE

O Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM) aprovou, nesta terça-feira (26), as contas de David Almeida, referente ao ano de 2017, primeiro como presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam).A corte aprovou também as contas do deputado Abdala Fraxe, no período de 9 de maio a 4 de outubro de 2017, quando ele esteve presidente em exercício do Poder em razão de David ter assumido o governo do Amazonas, interinamente.

Diante das análises da Diretoria de Controle Externo da Administração Direta Estadual (Dicad) sobre a documentação originária das contas do Fundo de Fomento à Atividade Legislativa, o relator do processo 11267/2018, conselheiro Mário Manoel Coelho de Mello, julgou regular as contas de David Almeida.

Em seu relatório, o conselheiro observou que, de acordo com as análises do Dicad, sobre os demonstrativos contábeis e dados informatizados enviados por meio do sistema e-Contas, constatou-se que no período não houve nenhuma movimentação de recursos utilizados pelo Fundo de Fomento à Atividade Legislativa no exercício de 2017.

Deste modo, considerando que não houve qualquer tipo de movimentação orçamentária ou financeira, a Diretoria de Controle Externo sugeriu julgar regulares as contas do Fundo de Fomento à Atividade Legislativa, de responsabilidade de David Almeida, bem como de Abdala Fraxe. Do mesmo modo, recomendou julgamento regular do período de 1º a 31 de janeiro de 2017, de responsabilidade do deputado Josué Neto.

David Almeida que encerrou o seu mandato como deputado e presidente da Assembleia no dia 31 de janeiro deste ano, aguardará, para ainda este ano, o julgamento das contas referente ao exercício de 2018, bem como o mês de janeiro de 2019. O TCE-AM ainda realizará a inspeção delas nos próximos meses. Governador interino do Amazonas de maio a outubro de 2017, David teve suas contas aprovadas pelo TCE-AM, no ano passado.

“Nós fizemos um trabalho voltado para a regularidade das contas do Poder Legislativo. Acertamos a gestão no ano de 2017, quando tive que me afastar da presidência da Assembleia para assumir interinamente o governo do Estado. Nesse período, o deputado Abdala (Fraxe) manteve a ordem e saímos todos com as contas em dias e equilibradas”, comentou David.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *