Alunos da rede pública de Careiro Castanho realizam atividade para conscientizar sobre prevenção ao coronavírus

Foi através da simulação de uma videorreportagem que os alunos da Escola Estadual Thomé Ferreira Santiago, situada no município de Careiro Castanho (a 88 km de Manaus), resolveram conscientizar a comunidade a respeito do novo coronavírus, responsável pela Covid-19. Em um vídeo de aproximadamente 3 minutos e 30 segundos, a equipe escolar da unidade discutiu os sintomas da doença e destacou os principais métodos contraceptivos, como a utilização do álcool em gel e a importância de uma boa higienização das mãos, dentre outros.

A atividade foi idealizada pelo professor de Língua Portuguesa, Francisco das Chagas Ferreira de Lima, e contou com a participação de pelo menos 120 estudantes do ensino médio, além de demais servidores da escola estadual.

“Estamos vivendo um momento bem difícil em nosso mundo, com relação à proliferação do coronavírus. Esse vírus vem afetando várias pessoas de diversos países e, recentemente, chegou ao nosso Estado. Como nosso município é relativamente perto de Manaus, há uma certa preocupação de que o coronavírus possa chegar até aqui”, afirmou Francisco.

O educador reforça que, apesar de não ser da área de biológicas, sempre buscou manter um diálogo aberto e educativo com seus alunos acerca da contração e prevenção da doença respiratória. “Nós sabemos que o vírus se espalha muito rápido. Os números de infectados no Brasil são atualizados diariamente e reparamos esse avanço de pessoas infectadas pelo coronavírus. Temos de estar conscientes e preparados caso [o vírus] chegue a Careiro”, alertou.

“A ideia é que a nossa escola saia na frente e que os estudantes possam mostrar que estão, sim, por dentro dos últimos acontecimentos e preparados para combater a Convid-19. Além do vídeo, também produzimos uma música, que diz: ‘Não deixe o corona pegar uma carona em você’”, acrescentou Francisco.

O jingle diz respeito às pessoas que acabaram de retornar de algum dos estados em que o índice de contração do coronavírus é alto e podem, assim, “transportar a doença”. “É importante que essas pessoas fiquem em casa”, aconselhou.

Resultados – Desde que iniciou o projeto, o professor já percebeu mudanças positivas com relação ao comportamento dos alunos da Escola Estadual Thomé Ferreira Santiago. “A gente nota que os estudantes, além de terem aprendido mais sobre a Covid-19, estão mais conscientes com relação à prevenção do vírus. É importante evitar tudo aquilo que a mídia está pedindo para nós evitarmos. Desta forma, tenho certeza que superaremos esse momento difícil”, finalizou.

Participante da videorreportagem, o estudante Klewilson Silva, do 1º ano, ressaltou a importância da iniciativa e agradeceu Francisco pelo apoio e dedicação: “Gostaria de parabenizar e agradecer ao professor [Francisco]; à nossa gestora, Socorro Leite; e a todos os educadores que têm nos apoiado em termos de conhecimento sobre o coronavírus e os métodos de prevenção”, frisou.

A também aluna da 1ª série do ensino médio, Emanuelle Araújo, fez coro às palavras de Klewilson. “Aprendemos bastante com a produção do vídeo, principalmente sobre como nos prevenir. Podemos ver que, no mundo inteiro, estão sendo cancelados diversos eventos e festas, pois temos de evitar aglomerações. Isso é muito importante”, encerrou Emanuelle.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *