Ação social itinerante do Outubro Rosa leva atendimentos para comunidade na Zona Norte de Manaus

Levar o Outubro Rosa Itinerante e outros atendimentos para o Viver Melhor I, na Zona Norte de Manaus, comunidade que tem carência de alguns serviços. Com este intuito, a Deputada Estadual Dra. Mayara Pinheiro Reis (PP) promoveu na manhã deste sábado (05), uma ação social  na Escola Estadual Eliana Socorro Pacheco Braga.

Pelo menos, quatrocentos moradores da área e do entorno foram beneficiados com a atividade. “Nosso compromisso como parlamentar é se fazer presente dentro da comunidade e exercer o direito da cidadania. Quero agradecer o Governo do Estado pelo apoio, para podermos realizar os atendimentos e trazer um pouco de alegria  a estes moradores”, ressaltou a parlamentar.

Entre as consultas médicas oferecidas, destaque para o atendimento ginecológico, pois estamos no mês  de conscientização e prevenção do Câncer de Mama. A Fundação Centro de Oncologia do Amazonas (FCecon) esteve presente na ação com orientação e distribuição de folders informativos sobre a doença.

“ A consulta ao ginecologista é o primeiro passo para evitar a doença e outros problemas relacionados à saúde da mulher. E Hoje levamos um pouco desse serviço básico às mulheres da comunidade. O diagnóstico do Câncer de Mama no estágio inicial é fundamental para o sucesso do tratamento, em pelo menos 90 % dos casos”,  explicou.

Um dos serviços mais procurados foi a emissão de 1º e 2º via da Identidade e também da Certidão de Nascimento feita pela Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos  e Cidadania (Sejusc) .

A dona de casa Lívia Auxiliadora Maciel dos Santos, 41 anos, disse que soube da ação social pelas redes sociais  e correu para tirar o RG  dos filhos. “Toda a família estava precisando desse e de outros atendimentos. Nem sempre temos o acesso e a facilidade que tivemos hoje”, falou dona Lívia.

Mas o dia foi também de conscientizar sobre a importância da atualização do Cartão de Vacina dos pequenos, principalmente no que diz respeito ao Sarampo. “Estamos com uma baixa cobertura da vacina, por isso  vamos ter duas campanhas contra a doença; a primeira entre 7 e 25 de outubro para crianças de seis meses até cinco anos e a segunda, em novembro, tendo como público alvo os adultos jovens de 20 a 29 anos”, lembrou o enfermeiro do Distrito Norte da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Luciano Pereira.

Participaram ainda, o Centro de Educação Tecnológico do Amazonas com  corte de cabelo, esmaltação de unha, limpeza de pele, o   Instituto Solidários da Amazônia, que realizou  atendimento médico com consultas odontológicas, pediatras, psicólogos,entre outros, alem da presença da Defensoria Pública do Estado.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *