Urnas embarcam para eleição suplementar em Novo Aripuanã

Foto: Paulo Paixão/ Rede Amazônica

Ao todo, 46 urnas foram levadas para o município, que passa por eleição de novo prefeito neste domingo (4).

Um total de 46 urnas, que farão parte da eleição suplementar em Novo Aripuanã – a 227 km de Manaus – neste domingo (4), foi enviado para o município nesta terça-feira (30). Os equipamentos embarcaram no Porto da capital por volta das 10h. O pleito ocorre após o prefeito eleito ter as contas reprovadas e a candidatura indeferida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Foto: Paulo Paixão/ Rede Amazônica

São cerca de 36 horas de viagem de barco até o município. Do total de urnas, 36 são para realização do pleito, enquanto 10 ficam para reserva, em caso de imprevistos.

Membros da Polícia Judiciária Eleitoral também embarcaram para o município nesta manhã. De acordo com o delegado Wesley Aguiar, da Polícia Federal, a equipe é responsável pela repressão de crimes eleitorais.

“Esse é o nosso foco principal na eleição suplementar de domingo, em Novo Aripuanã (…) que é a corrupção eleitoral, a compra de votos, o transporte ilegal de eleitores, que via de regra é financiado com caixa dois de campanha, o abuso do poder econômico por parte de autoridades do município, e a movimentação de dinheiro em espécie de grande quantia, que seguramente desequilibra o processo eleitoral”, explicou.

Entenda a eleição suplementar

Concorrem ao pleito suplementar os candidatos Jocione Souza (PSDB) e Hilton Laborda (PMDB).

Em Outubro de 2017, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) negou o registro de candidatura do atual chefe do executivo. Pela decisão, Aminadab Meira Santana foi afastado imediatamente do cargo. Ele teve as contas reprovadas.

Ele foi condenado por não apresentar documentos que comprovem a execução de serviços contratados pela prefeitura quando exercia o cargo, ainda na eleição passada.

Com o afastamento do atual prefeito, quem assumiu interinamente a gestão de Novo Aripuanã foi o presidente da Câmara dos Vereadores do município.

Após a decisão, o TRE-AM tinha um prazo de 90 dias para realizar a nova eleção, prevista para o domingo (4).

 

Com Informações do G1, Amazonas

Be the first to comment on "Urnas embarcam para eleição suplementar em Novo Aripuanã"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*