Sergio Côrtes

‘Nossas putarias têm que continuar’, diz ex-secretário de Cabral