Susan Boyle reaparece em competição musical após nove anos

Susan Boyle, 57, voltou para as competições musicais pela primeira vez desde que foi a segunda colocada no Britain’s Got Talent em 2009. Desta vez, ela está na competição do America’s Got Talent.

“[Quero ser] Uma campeã para aqueles que talvez não tenham confiança para fazer as coisas, para aqueles que não têm voz, que as pessoas tendem a ignorar. Sinto que sou uma campeã para eles”, disse ela.

Em seu retorno, Boyle cantou “Wild Horses”, dos Rolling Stones, para o jurado Simon Cowell, que também esteve na apresentação de “I Dreamed A Dream” da cantora, há dez anos. A música escolhida para sua segunda vez no programa é a mesma que ela cantou na quarta temporada da AGT em 2009, onde fez sua primeira aparição na TV.

“Estou animada para mostrar ao Simon o quanto cresci desde a última vez que ele me viu. É minha oportunidade de ouro para ter essa promessa cumprida”, já havia dito Susan.

Após a apresentação, Simon encheu a cantora de elogios. “Não consigo pensar em nenhum outro participante que tenha melhor definido esse programa”, disse. “Você é única, fez uma enorme diferença na vida de muitas pessoas. Estou muito feliz por você estar aqui.”

Howie Mandel, outro jurado, recordou a primeira audição da cantora. “Eu digo: ‘Você sabe o que eu quero? Eu quero aquele momento de Susan Boyle. Eu quero esse momento de cair o queixo'”, disse. “Eu procuro isso em tudo que faço porque você é o que o programa é.”

Boyle, que já foi indicada ao Grammy duas vezes, lembrou da experiência de sua apresentação. “A maior parte do público estava rindo, mas quando eles olharam para minha boca, isso mudou”, lembrou. “Chegar em segundo lugar não significa que você perdeu, é uma promessa não cumprida.”

Mas, dentre todos os jurados, foi Mel B quem mais emocionou a cantora. “Eu só quero dizer que é uma honra e prazer estar sentada aqui, e escutando você. Sua voz angelical… Eu quero ser a mulher que te dá o que você merece”, disse a Spice Girl, que em seguida apertou o botão para que Boyle passasse automaticamente para a semifinal, mesmo sem o aval dos outros jurados. O botão só pode ser pressionado uma vez por cada um dos avaliadores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *