Homicídios são registrados no primeiro dia do ano em Manaus

Somando os homicídios registrados nos dias 30 e 31 de dezembro, o número de mortes chega a 12.

Seis homicídios foram registrados em Manaus no primeiro dia de 2018. A informação foi confirmada pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). Contabilizando com os assassinatos ocorridos nos dias 30 e 31 de dezembro, o número chega a 12 mortes.

DEHS deve investigar caso manaus, amazonas, dehs, (Foto: Suelen Gonçalves/ G1 AM)

No início da manhã de segunda-feira (1º), um homem de 44 anos foi morto com um tiro no rosto na Rua Nosso Senhor do Bonfim, no bairro Zumbi dos Palmares, Zona Leste de Manaus. Populares acionaram a polícia após uma troca de tiros no local. Segundo a polícia, a vítima foi encontrada com uma faca ao lado do corpo. Há suspeitas de que o crime tenha ocorrido após uma discussão.

Outro homicídio ocorreu no bairro Nova Esperança, na Zona Oeste de Manaus. O corpo de um homem de 26 anos foi encontrado nas margens de um igarapé localizado na Rua São Paulo. A vítima estava enrolada em um lençol. Segundo a perícia, o homem levou três tiros, sendo dois na cabeça e um nas costas. Ele também teve o pescoço parcialmente cortado.

Santa Etelvina

Na Zona Norte de Manaus foram registrados dois assassinatos. O primeiro deles ocorreu dentro de um bar localizado na Rua Santa Elena, no bairro Santa Etelvina. A vítima tinha 26 anos e era ajudante de pedreiro. Segundo a polícia, o homem levou quatro tiros, sendo que três dos disparos atingiram as costas e um atingiu de raspão a cabeça. O suspeito fugiu do local.

Ainda no bairro Santa Etelvina, o corpo de um homem de 47 anos foi encontrado em via pública durante a tarde. Segundo a polícia, a vítima apresentava marcas de tiros e corte de faca. O corpo foi localizado na Travessa Nove do loteamento Fortaleza. De acordo com a equipe da DEHS, o corpo estava coberto com um lençol.

Jorge Teixeira

No bairro Jorge Teixeira, na Zona Leste da capital, foram regsitrados mais dois homicídios. Um deles ocorreu na Rua Casia Baiana, no Loteamento João Paulo II. O caso ocorreu por volta de 12h. A vítima, que ainda não foi identificada, foi atingida por golpes de arma branca. Ela foi socorrida e encaminhada para o Hospital e Pronto-socorro Platão Araújo, mas não resistiu aos ferimentos e morreu por volta de 13h30. Nenhum suspeito foi localizado pela polícia.

O outro caso aconteceu na Rua dos Lírios, por volta de 20h. Um presidiário de 34 anos, que havia sido liberado em saída temporária de fim de ano, foi morto com mais de 10 tiros na casa da mãe. De acordo com a DEHS, o crime foi motivado por uma disputa entre facções ligadas ao tráfico de drogas na área. A vítima, Francisley Oliveira dos Santos, também era suspeita de matar um dos membros da facção rival.

 

Com Informações do G1 Amazonas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *