Foragido que se passava por policial para aplicar golpes é preso com documentos falsos

Homem apresentou nome falso durante abordagem policial (Foto: Adneison Severiano/G1 AM)

Homem fugiu de presídio em 2015. Segundo a polícia, ele confeccionava documentos das polícias Federal e Civil, além de identificações do Exército.

Um foragido do sistema prisional do Amazonas foi preso em flagrante com diversos documentos de identificação falsificados da Polícia Federal, do Exército e da Polícia Civil. A suspeita é que José Airton de Andrade Pinheiro, de 48 anos, usava os documentos para aplicar golpes.

Presidiário se passava por investigador da Polícia Civil, delegado da PF e tenente do Exército (Foto: Adneison Severiano/G1 AM)

O homem é suspeito de falsidade ideológica, falsificação de documento público, uso de documento falso e falsa identidade. Ele fugiu do regime fechado do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) desde 2015, onde cumpria pena por roubo. Ele foi preso na terça-feira (9).

Segundo o delegado Marcos Paulo Graciano, titular do 15° Distrito Integrado de Polícia (DIP), a equipe de investigação recebeu uma denúncia com a localização do presidiário e foi cumprir o mandado de prisão.

Por volta das 17h, o foragido foi encontrado na casa onde morava na rua Creta, bairro Nova Cidade, na Zona Norte.

“Chegando lá ele se apresentou com outro nome de Wesley Andrade Pinheiro, inclusive apresentando documento de identidade que ele possuía em mãos. Como fizemos uma investigação prévia e conhecíamos o rosto dele, verificamos que se tratava de um documento falso”, afirmou o delegado.

A polícia encontrou vários documentos falsificados, que seriam confeccionados pelo próprio presidiário para abrir e movimentar contas bancárias, além de aplicar golpes de compra e venda de imóveis. Foram apreendidos:

  • Documento de identificação de Primeiro Tenente do Exército brasileiro;
  • Identificação de delegado da Polícia Federal e camisa da PF;
  • Identificação de Investigador da Polícia Civil;
  • Documento de identificação de assessor de secretário estadual;
  • Várias identidades falsas com nomes diferentes;
  • Papéis de Certidão de Nascimento;
  • Carteiras Nacional de Habilitação (CNHs) preenchidas e papéis falsificados para criar novos documentos;
  • Selo de cartório de notas;
  • 2 impressoras e outros materiais para impressão.

O material apreendido será enviado para perícia. O volume de documentos falsos surpreendeu a polícia, segundo o delegado.

“A quantidade e espécie do material encontrado com certeza tratou-se de uma surpresa para equipe de investigação. Quando entramos na residência nos deparamos com essa grande quantidade de apetrechos todos destinados ao crime de falsidade”, comentou o delegado.

As pessoas que foram vítimas dos golpes devem procurar a Polícia Civil para registrar a ocorrência, gerando uma investigação pararela de cada caso. O disque-denúncia do 15° DIP é (92) 99962-4406.

Documentos falsos da Polícia Federal, Polícia Civil e do Exército foram apreendidos com o homem (Foto: Adneison Severiano/G1 AM)

Documentos falsos da Polícia Federal, Polícia Civil e do Exército foram apreendidos com o homem (Foto: Adneison Severiano/G1 AM)

Com Informações do G1 Amazonas

Be the first to comment on "Foragido que se passava por policial para aplicar golpes é preso com documentos falsos"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*