Conexão Boys lembranças de um grupo de dança que marcou época em Pauini

Grupo Conexão Boys

É sempre bom relembrar momentos inesquecíveis em nossas vidas. Pela rede social, várias pessoas relembram a trajetória de um grupo de dança considerado por muitos o melhor de Pauini que marcou história nas
disputas acirradas na modalidade dança e por muitas vezes consagrava-se o grande campeão das tradicionais festas juninas, uma das melhores festividades que ocorrem no município de Pauini (distante 923 km de Manaus em linha reta).

O grupo de dança chamado “Conexão Boys”, formado há mais de treze anos (13), era um dos projetos de dança coordenado pelo senhor Valmir Silva Damasceno (falecido). Composto por 10 integrantes, o grupo Conexão Boys foi um marco nos eventos em Pauini. A equipe tinha dançarinos de 14 a 17 anos de idade. A equipe participava de diversas competições. Eles tinham segredos em suas danças e detalhes das coreografias, assim como o sucesso escolhido. A disciplina era o ritmo dos ensaios.

Em Entrevista ao Portal do Amazonas, um dos componentes disse que apesar do tempo que faz só restou a saudade de tempos bons, quando iniciaram a carreira dançando e contagiavam muitas pessoas, principalmente adolescentes e jovens. “Infelizmente alguns dos membros do grupo já faleceram, mas a equipe permaneceu viva em nossos corações. A equipe era bastante responsável no que fazia e a união era o forte do grupo”, Disse. Segundo ele a inspiração da equipe, naquela época, era os Backstreet boys, um grupo de dança que estava fazendo muito sucesso não só nos Estados Unidos, mas no Brasil inteiro. “Sinto-me honrado por conceder essa entrevista ao Portal do Amazonas”. Acrescentou, Pablicio Félix

“Na minha infância eles serviram de inspiração não só para mim, mas para muitos adolescentes daquela época. Lembro-me claramente da primeira apresentação deles, na verdade foi algo diferente, quando eles começaram a dançar um ritmo diferenciado, já que naquele período de tempo só ouvia-se forró e brega. As pessoas vibravam de emoção ao vê-los dançando. Outros grupos que se apresentavam durante as festas na cidade, também se inspiravam neles. Eles erão bons no que faziam. O grupo Conexão Boys era os nossos Backstreet boys da vida”. Pontuou. Kamy Souza.

Matéria : Romário Vieira / Portal do Amazonas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *