Comissão de Saúde da Aleam aprova criação da Semana Estadual de Conscientização e Prevenção de Doenças Crônicas não Transmissíveis

Dois projetos da presidente da Comissão de Saúde e Previdência da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputada Mayara Pinheiro (PP), tiveram pareceres favoráveis aprovados durante reunião, na manhã desta quarta-feira (24). A proposta determina que, dentro da criação da Semana Estadual de Conscientização e Prevenção de Doenças Crônicas não transmissíveis (DCNT), seja desenvolvido um Plano Estadual de Ações Estratégicas para combater estas enfermidades, na semana do Dia Mundial de Saúde, comemorado em 07 de abril.

A preocupação da parlamentar é comprovada com os números porque, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), estas doenças são responsáveis por 70% das mortes no mundo, equivalente a 41 milhões. Deste número, 15 milhões de pessoas são vítimas prematuramente, ou seja, entre 30 e 69 anos.

“No Amazonas, essa realidade não é diferente. 32% dos adultos , cerca de 743 mil pessoas, possuem pelo menos um problema crônico. Assim, precisamos de políticas públicas específicas como ações de prevenção principalmente em fatores de risco como o uso do tabaco, inatividade física, consumo excessivo de álcool, dietas pouco saudáveis e poluição do ar”, explicou Dra. Mayara.

Outra proposta da deputada com parecer favorável foi a instituição do Programa Estadual de Orientação sobre a Síndrome de Down e a Semana de Conscientização da Síndrome entre os dias 21 e 28 de março.

Também na reunião, os membros da Comissão de Saúde e Previdência aprovaram os pareceres do deputado Dermilson Chagas (PP) sobre a prevenção das hepatites virais e do deputado Wilker Barreto (PHS), que institui uma Semana Estadual de Conscientização pelo Diagnóstico Precoce da Aids. Participaram ainda, os parlamentares Ricardo Nicolau (PSD), Carlinhos Bessa (PV) e Dr. Gomes (PRP). Agora, as proposituras voltam para a Gerência de Comissões da Casa e depois devem ser encaminhadas para votação final no Plenário.

Retorno
Outro assunto importante debatido na reunião desta quarta foi a volta do secretário estadual de saúde, Dr. Rodrigo Tobias, no dia 30 de maio. Na ocasião, ele vai apresentar o 1º relatório quadrimestral de 2019, com apresentação dos gastos e investimentos no setor, nestes primeiros meses.

“Minha função como presidente da comissão é fiscalizar como o dinheiro está sendo gasto na saúde. Precisamos entender a real situação do pagamento dos profissionais da área, o contrato com a Organização Social (OS), que administra o Hospital Delphina Aziz e o abastecimento da Central de Medicamentos do Amazonas (CEMA). Como sempre digo, a saúde não pode esperar”, ressaltou a parlamentar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *